Magazine Luiza

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

O Cavaleiro da Esperança - Taiguara - Desafio "uma música por dia"!




Escolhi essa no lugar de para não dizer que falei das flores e Disparada( Geraldo Vandré) Sampa(Caetano Veloso), Domingo no parque( Gil), Que as crianças cantem livre( do Taiguara), Como nossos pais e o Bêbado e o Equilibrista (da Elis Regina).

Quem me conhece achou que não escolheria nenhuma música internacional... 
Está aí a música de um uruguaio... 
Êh.... Está certo que o Taiguara é tão uruguaio quanto o Milton Nascimento é carioca...

Esta escolha está representando aquela geração dos festivais, MPB dos anos 60 e 70, pessoas que viveram e sofreram numa ditadura brasileira com regras americanas...

Pesou na escolha as manifestações  que vi em 2015 pedindo entre outras coisas uma "intervenção militar" e eu só lembrava da fala do Taiguara, nesse clipe: 

"O povo que não conhece a sua história está condenado a repeti-la: já imaginou para esse pequenininho aí, se a gente repetir essa história de golpes militares, fome, falta de música brasileira nas rádios, falta de respeito... não podemos repetir essa história!"

Quando o Taiguara fala da fome brasileira no período da ditadura militar sempre lembro-me do "irmão do Henfil", cantado em verso e prosa pela Elis Regina, que ao voltar do seu exílio dedicou o restante do sua vida(restinho de vida mesmo, pois era hemofílico e estava aidético) ao combate a fome... 
E nós que tínhamos o que comer doava kilos de alimentos para aqueles que não tinham e ele alimentava nossas almas com shows  musicais de vários artistas de grande qualidade 
(e só para alfinetar,  não descontava o que foi arrecadado no seu imposto de renda... )

Taiguara teve nos anos 60 e 70 mais musicas censuradas que Chico Buarque e Geraldo Vandré somados! Nem por causa das músicas em si, já que um dos seus discos censurados eram totalmente instrumental! (Outro totalmente em inglês)!! 

Menos pelas músicas mais pelos amigos... 
O cavaleiro da esperança era um desses amigos....

Como todo mundo aqui conhece a história do nosso povo, não preciso explicar quem foi o cavaleiro da esperança na história do Brasil, não é? 

Para quem não sabe no finalzinho do clipe passa a foto dele... 

Agora, se mesmo com a foto você não sabe quem é  então cuidado! 
Você está condenado a repetir erros antigos...

Quinze anos depois da morte de Taiguara, foi lançado um CD póstumo chamado Ele vive, com 11 músicas dele não lançadas e mais 4 versões ao vivo de sucessos, incluindo aí Outubro, música de Milton e Fernando Brant, a segunda composição dessa dupla(a primeira foi Travessia)

Já que citei o cidadão do mundo Milton Nascimento, citei a fome, eu prefiro a fartura e não a fome.... Já deu para adivinhar qual a música de amanhã?....




 O Cavaleiro da Esperança
(Taiguara) 


Quem só espera não alcança
Mas quem não sabe esperar
erra demais, feito criança
Cai. E até se entrega ou trai.
E cansa de lutar

O Cavaleiro da Esperança
faz a hora acontecer
Faz punho armado
Faz punjança
Mas combate pela paz
pro povo não morrer

Pois Ogum Guerreiro não morre
prestes a encontrar
uma estrela d'alva para nos guiar

É soldado alerta. É São Jorge
prestes a enfrentar
o dragão do mal
que quer nos matar


(que quis nos matar, mas não deu não)